Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

NOVO CHEVROLET PRISMA - PREÇOS, VERSÕES E EQUIPAMENTOS





Pronto, saiu definitivamente do forno. Além do nome, permanece o resquício da tradição da Chevrolet em batizar seus modelos com nomes terminados com a letra "A". Ainda assim, o Novo Prisma não tem nada a ver com o primeiro.



A plataforma é a mesma utilizada nos Sonic, Cobalt e Spin, e que foi muito bem aproveitada pelo Onix, de quem o novo Prisma deriva. Até a metade do carro nada mudou, mas a adição do terceiro volume foi muito feliz no novo modelo, mantendo a fluidez das linhas e o tornando semelhante a um cupê, além de acrescentar 30 cm ao comprimento total. Ao todo, são 4,28 m de comprimento, 1,71 m de largura e 2,53 m de entreeixos. E traseira curta não é necessariamente sinônimo de porta-malas pequeno: o sedã leva até 500 litros, sem contar os 15 porta-objetos espalhados na cabine.




Serão 3 versões. A mais em conta é a 1.0 LT, que traz de série direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos, banco do motorista com ajuste de altura, sensor de estacionamento, travas elétricas acionadas automaticamente a partir de 15 km/h, porta-malas com abertura pela chave-canivete, temporizador de faróis, rodas de aço com aro de 14 polegadas e calotas, ABS e airbag duplo. O preço, sem opcionais, é de R$ 34.990,00.



Em seguida vem a 1.4 LT, que além do motor mais potente, acrescenta à lista de equipamentos rodas de aço com aro de 15 polegadas e calotas, faróis com máscara negra e contornos azulados, e lanternas escurecidas. O preço sobe para R$ 39.090,00. E a top de linha 1.4 LTZ se diferencia das demais por acrescentar rodas de liga leve com acabamento diamantado e aro de 15 polegadas, vidros traseiros e retrovisores elétricos, computador de bordo e o sistema multimídia MyLink, levando o preço aos R$ 45.990,00.



Os motores são os mesmos utilizados no Onix, sem qualquer melhoria para o sedã. O 1.0 rende 78/80 cv de potência a 6.300 rpm e 9,5/9,8 kgfm de torque a 5.200 rpm - rotações bem altas para um 8 válvulas. A Chevrolet divulga aceleração de 0 a 100 km/h em 13/12,7 segundos e quer que acreditemos que o novo Prisma 1.0 chega a 180 km/h com esse motor.



O propulsor 1.4, por sua vez, rende 98/106 cv de potência a 6.000 rpm e 13/13,9 kgfm de torque a 4.800 rpm. Outra vez, parecem números de motores multivalvulados. A aceleração de 0 a 100 km/h é cumprida em 12/10,7 segundos e a velocidade máxima divulgada para as versões com este motor também é de 180 km/h. Vai entender.




O novo Chevrolet Prisma tem poucas opções de cores: branco Summit, cinza Sand, prata Ice, preto Sólido e vermelho Pepper. Mas tem tudo para redimir a imagem de sedã apertado, mal construído e com péssima ergonomia que o antigo modelo deixou. Só que o risco de canibalização entre ele e o best-seller Cobalt é grande: este, como o Agile, não tem o argumento do design a seu favor, mesmo sendo um ótimo produto - e a gente sabe que, no Brasil, design tende a vender mais que qualidade. A Chevrolet vai ter que trabalhar bem os públicos-alvo dos dois modelos para evitar perdas.

Um comentário:

Seu comentário é sempre bem-vindo, desde que seja pertinente e referente ao texto lido. Mensagens com teor ofensivo (de cunho pessoal ou não), que não fazem menção à matéria em questão ou propagandas serão imediatamente deletadas.